Empreendedorismo Vencedor – 4 Lições do filme Walt antes de Mickey

Não sei o que levou a esperar tanto tempo para assistir o filme Walt antes de Mickey. Pode ser a minha resistência a obras biográficas. Eu geralmente não aposto minhas fichas em filmes que retratam a vida de alguém. No entanto, o filme dirigido por Khoa Le me surpreendeu enormemente.

Eu fiquei fascinada pela história de Walter Elias Disney, pela humanidade retratada na jornada desde jovem empreendedor, desde seu primeiro estúdio montado em um galpão até criar o personagem que seria um ícone imortal dos Estúdios Disney. Também fiquei impressionada pela capacidade empreendedora de Walt, o que me levou a pensar….

O que faz com que um empreendedor seja vencedor e o outro não?

Walt antes de Mickey nos ensina pelo menos 4 lições que podem nos ajudar a desvendar a resposta a esta pergunta:

  1. Os fracassos precedem o sucesso.
  2. Sucesso requer persistência e otimismo.
  3. Sonhos movem multidões.
  4. Empreender pode ser solitário.

Vamos explorar e refletir um pouco cada uma dessas lições, de que forma elas são apresentadas no filme e que conexão tem com a realidade empreendedora.

1. Os fracassos precedem o sucesso

Essa lição pode ser até considerada ‘senso comum’ para esportistas. Quem pratica esportes sabe que até vencer ele enfrentará muitas derrotas. Uma derrota no esporte pode ser não conseguir um bom tempo de prova ou um lugar no pódio. No entanto, no contexto empresarial essa lição é muito pouco compreendida. Somos levados a recorrer e estudar muito mais casos de sucesso do que os fracassos contidos nas histórias. Aliás, por uma questão de gestão de imagem de marca, se tem muito receio de revelar os erros, fracassos e perdas das empresas e de seus fundadores. Tudo isso muitas vezes nos ilude que o sucesso é fácil e rápido, que depende de um golpe de sorte ou uma ideia genial.

Quem imaginaria que Walt Disney fracassaria tantas vezes antes da primeira vitória? O fato é que este empreendedor errou e fracassou muito no início da carreira. Quando falo em fracasso quero dizer aqueles momentos de queda que precisariam de um novo grande impulso para retomar. Walt faliu a primeira empresa, foi despejado do escritório e de casa, foi desacreditado e abandonado pela equipe. Esses sucessivos fracassos nos levam a segunda lição do filme.

2. Sucesso requer persistência e otimismo.

Nós, empreendedores, sabemos o quão doloroso é ver a morte prematura de um negócio pensado e estruturado com tanto esforço e carinho. Passar, não por um, mas por muitos fracassos e mesmo assim continuar tentando requer muita persistência do empreendedor. E o que faz alguém ser tão persistente? Uma das coisas que fazia com que Walt persistisse era sua capacidade visionária. Ele via a animação como ninguém mais via. Era um sonho para ele transformar suas ideias em realidade. Ser um visionário é muito mais do que identificar oportunidades, é acreditar com uma força excepcional de que aquilo seja possível. Walt acreditava no futuro da animação mesmo quando ninguém mais acreditava, mesmo quando perdeu tudo, não tinha o que comer e onde dormir.

Além de ser persistente, Walt também demostrou passar ileso e ainda fortalecido pelos momentos mais difíceis, o que requer ser otimista e não se culpar. Ser otimista é acreditar no melhor resultado, essa atitude gera uma motivação duradoura. Isentar-se da culpa pelos fracassos no empreendedorismo também é fundamental. Atribuindo o fracasso a condições externas e circunstanciais, o empreendedor sente-se encorajado a tentar novamente.

FONTE: UNSPLASH
FONTE: UNSPLASH

3. Sonhos movem multidões.

A motivação de Walt não era só forte o suficiente para sair fortalecido dos fracassos, como para motivar todos a sua volta para acreditar e batalhar pelo sonho dele. Diante de tantas dificuldades iniciais, o que pode fazer uma equipe trabalhar com um sorriso no rosto ganhando muito pouco ou quase nada de salário?? Um SONHO!

No fundo empreendedores visionários e persistentes são também vendedores de sonhos. E no início não há muito mais o que oferecer do que um sonho. Os sonhos são poderosos quando verdadeiros, porque conectam-se com o lado emocional das pessoas, não com o racional. Conexões emocionais são mais valiosas e duradouras. Ter uma ideia de negócio que possa ser vista como um sonho é tão importante para conectar a equipe com o empreendedor quanto o próprio empreendedor com seu negócio, aumentando consistentemente a chance destes três (equipe, empreendedor e negócio) manterem-se juntos.

4. Empreender pode ser solitário.

O filme Walt antes de Mickey retrata claramente alguns momentos solitários de Walt. São especialmente aqueles momentos de fracasso. É claro que quando os ventos são favoráveis não faltam pessoas por perto. Quando o tempo vira e a tempestade se aproxima a tripulação é a primeira a abandonar o barco e seu capitão. Quando vem a solidão é que o empreendedor corre um grande risco de desistir do negócio e correr para o primeiro porto seguro que avista, abandonando seu sonho e sentindo-se um fracassado. Por outro lado a solidão pode ser a fonte geradora de energia para visualizar uma nova rota e retomar a jornada. A escassez de recursos é uma provocação para nós empreendedores sermos mais criativos na solução de problemas.

Essas foram as 4 lições que eu compreendi como as mais valiosas e fatores que fizeram de Walter Elias Disney um empreendedor vencedor. Na minha opinião é fundamental desmistificarmos o empreendedorismo. Podermos ver a realidade, que nem tudo são glórias, há muita dificuldade e perseverança no caminho, muito mais do que golpes de sorte! Ainda sim, transformar os nossos sonhos em realidade pode ser uma das nossas maiores satisfações pessoais!

Persista no seu sonho!

FEATURED IMAGE: UNSPLASH
RafaelaSanzi

Rafaela P. Sanzi
Master in Business Administration.
Especialista em empreendedorismo e inovação.
Consultora empresarial.

2 Comments Add yours

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s